Enquanto o Godzilla Não Sai

No dia de Ação de Graças canadense (12/10/15) saímos de Toronto e deixamos o Canadá pela última vez nessa viagem. Nosso destino era Miami a mais de 2.400 quilômetros de distância; a boa notícia é que estaríamos seguindo sentido Sul, fugindo do frio que estava para chegar (na semana seguinte os termômetros em Toronto chegaram à temperatura de 1 digito). No caminho o Godzilla completou 190.000 km, dos quais quase 80.000 km são apenas dessa viagem.

Site_2873

Nos dias seguintes apenas dirigimos: de Toronto seguimos até Pittsburgh, Pennsylvania no dia 12/10/15; de Pittsburgh fomos até Charlotte, Carolina do Norte no dia 13/10/15; de Charlotte dirigimos até Brunswick, Georgia no dia 14/10/15; e finalmente de Brunswick chegamos em Miami no dia 15/10/15.

Foram 4 dias muito longos e cobrimos distâncias (média de 600 km/dia) que normalmente não fazemos, mas esse sacrifício tinha um motivo; o Godzilla seguirá de navio para Cartagena, Colômbia no final de outubro e queríamos ter tempo para preparar a documentação, arrumar as coisas e deixar o carro no porto.

Logo no dia 16/10/15 seguimos até o escritório da SC Line (http://www.scline.com) para conferir a documentação necessária, assinar as procurações/cartas de aduana e preparar conhecimento de embarque (documento necessário para o embarque do carro no navio). O processo todo foi muito simples e rápido. Agora a empresa cuidará de todos os trâmites necessários para exportação do carro dos EUA.

Site_2871

 

No dia 19/10/15 levamos o Godzilla até o terminal portuário da SC Line em Fort Lauderdale, onde ele ficará aguardando o embarque no Navio Caroline Russ que sai no final do mês de Miami para Cartagena.

Site_2872

A modalidade do transporte será o RORO que significa roll-on/roll-off, ou seja, o carro entra rodando e saí rodando de um navio parecido com um Ferry.

Site_2867 Site_2868

A vantagem dessa modalidade de transporte de veículos é o preço, sensivelmente mais barato que as outras formas de transporte, mas por outro lado temos que deixar as chaves do carro com a transportadora para que o veículo seja embarcado e desembarcado do navio, o que do ponto de vista de segurança não é muito legal.

Outras formas de transporte de veículos são: (i) os containers que são mais caros (normalmente o dobro do RORO), mas muito mais seguros já que o container é fechado no porto de embarque e aberto no porto de destino, sempre na presença do dono da carga; (ii) o flat rack (muito mais caro que o container), que nada mais é do que a base de um container onde o veículo é colocado e fixada, mas que por não ter nenhuma proteção lateral/teto acaba deixando tudo exposto ao tempo e a eventuais danos durante a movimentação; e (iii) os ferries, onde o veículo é embarcado pelo próprio dono, que viaja no mesmo navio na área de passageiros.

Site_2869

Container

Site_2870

Flat rack

Quando cruzamos da Colômbia para o Panamá, em fevereiro de 2015, havia a opção de um ferry entre Cartagena, Colômbia e Colón, Panamá (https://zanzando.com/2015/02/05/cruzando-ao-panama/); mas o serviço foi suspenso em abril e por isso optamos por enviar o carro do EUA para a Colômbia pois seria mais rápido (apenas 6 dias de viagem) e mais fácil para desembaraçar o carro no porto.

Muitas pessoas nos perguntaram se não seria mais fácil mandar direto para o Brasil, mas é consenso entre todos que estão na estrada que o Brasil é (infelizmente) o pior lugar para se enviar/receber um veículo na América do Sul, mesmo que seja um veículo brasileiro, de propriedade de um cidadão brasileiro.

Depois de resolver os assuntos do carro, pudemos aproveitar um pouco Miami. Aproveitamos para encontrar nossos amigos Thiago, Tati e o filhinho deles Lucas, que acabou de completar 1 ano. Eles estavam apenas de passagem por Miami a caminho de Vancouver, onde os três vão estudar e viver pelo próximo ano. Foi muito legal encontrá-los e esperamos que tudo dê certo em Vancouver.

Site_2875 Site_2874

No dia 20/10/15 voltamos para a estrada com destino a Orlando. Vamos aproveitar que o Godzilla só chega em Cartagena no começo de novembro para descansar um pouco em Orlando e curtir os parques da Flórida.

Site_2876 Site_2877

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: